Novo endereço do nosso site

Novo endereço do nosso site
Feminismo Diabolico

quarta-feira, 5 de novembro de 2014

As travestis já estão tomando o mercado que antes era reservado para as prostitutas





 Vejam no video acima como a travesti foi toda educada com a repórter. Mas notem como a prostituta mulher é um ENTOJO asqueroso de mal educada. As travestis fazem programa e gostam de fazer putaria, já as prostitutas são iguais à qualquer mulher: um entojo de revoltadas e cheias de ódio contra a vida e contra os homens.
A Revista Playboy acaba de bater seu recorde negativo de vendas com Vanessa Mesquita (quem?), ex-BBB14: 97 mil exemplares. Há alguns anos atrás, Joana Prado (Feiticeira) e Suzana Alves (Tiazinha) batiam recorde de vendagem: 1,2 milhão de exemplares cada.
Esse fenômeno ocorre devido a um fator, que eu acredito que será a chave para nós derrotarmos o feminismo e o poder das mulheres: a evolução tecnológica. A decadência da Revista Playboy e das outras revistas de mulher pelada tem explicação pela evolução de várias tecnologias, dentre elas: a internet e suas toneladas de pornografia gratuita, mas também à evolução das travestis, que estão cada vez mais substituindo as mulheres no mercado da pornografia e no mercado da prostituição.
Hoje, por exemplo, eu comprei uma edição do Jornal Correio do Estado, de 5 de novembro de 2014. O Correio do Estado é o principal Jornal do meu Estado: o Mato Grosso do Sul. Pois bem, eu fui na seção de classificados, na parte do "Relax", aonde há anúncios de prostitutas oferecendo seus serviços e eu comecei a contar a quantidade de anúncios. Ao todo, haviam 110 anúncios de pessoas oferecendo seus serviços de prostituição. Dessas 110 pessoas, 9 eram travestis e 8 eram homens gays oferecendo seus serviços sexuais. É inegável que as mulheres ainda detêm a grande maioria do mercado da prostituição; mas até quando isso vai continuar assim? Dos números que eu levantei acima, nos anúncios classificados do Jornal Correio do Estado, nós podemos dizer que cerca de 85% do Mercado da Prostituição é dominado pelas mulheres; mas cerca de 15% do mercado de prostituição já está sendo dominado por homens, tanto os gays quanto as travestis. Isso significa, que pela primeira vez na história, os homens estão avançando sobre um campo profissional que era exclusividade das mulheres por milhares de anos: a prostituição. As mulheres avançaram sobre as profissões dominadas por homens, graças ao feminismo. Agora, os homens estão avançando nas profissões dominadas por mulheres: a prostituição e o ramo das atrizes pornográficas. Na verdade, a prostituição é apenas uma parte da indústria do sexo, que antes era monopólio quase exclusivo das mulheres, que eram as únicas que ganhavam dinheiro com isso. Mas hoje em dia, está aumentando drasticamente o número de atrizes pornôs travestis e também da pornografia gay, que está cada vez mais ocupando um espaço que antes, era só das mulheres.
Quantos homens uma travesti pode satisfazer sexualmente? Geralmente, as travestis que fazem programas, fazem de 3 a 5 programas por noite. Mas, vamos supor, que sejam apenas dois programas por noite e que elas trabalhem apenas 20 dias por mês. Isso significa que cada travestis pode, teoricamente, satisfazer sexualmente no minimo, 40 homens por mês. O número de programas que elas fazem é bem maior do que esse, mas vamos ficar nesse número de 40 por enquanto, porque muitos homens voltam a fazer programas com a mesma travesti várias vezes no mesmo mês. Nós ainda estamos muito longe da meta de uma travesti por homem, o que exigiria a fidelidade e a monogamia. Mas isso não importa, o que importa é que esse é o começo de um fenômeno que está cada vez mais, tirando o poder das mulheres e entregando esse poder para as travestis e para os homens gays.
E virar travesti é um negócio muito rentável. Vamos aos números. Para se tornar uma travesti é muito fácil, basta tomar uma injeção de Perlutan todo mês (cada ampola custa cerca de R$ 10, 00 dez reais). Em cerca de um ano, a travesti já estará bem feminino e bem bonita. Depois disso, é só arrumar um ponto em alguma rua de alguma cidade movimentada e deixar os clientes brincar com o cú delas e chupar o pau dos caras até eles gozarem. Em menos de 20 minutos, você já conseguiu ganhar pelo menos R$ 150,00 reais (que é o preço médio dos programas. Se a travesti é top de linha, muito bonita, ela pode cobrar até R$ 300,00 reais por programa). Ai você toma banho, e volta para o ponto e se você for gostosa, em menos de cinco minutos aparece outro cliente e você ganha mais R$ 150,00 reais, deixando ele brincar um pouquinho com o seu cú. Vamos supor que você gaste pouco mais de uma hora com cada cliente, tempo esse entre a transa propriamente dita e o tempo do banho e da deslocação até o ponto. Isso significa que, trabalhando apenas 5 horas por dia, você poderá satisfazer cinco homens diferentes e cada um deles dará para você R$ 150,00 reais, ou seja, ao todo, você conseguiu ganhar R$ 750,00 reais em apenas uma noite de cinco horas, aonde você se divertiu e divertiu alguns homens também. Se você trabalhar apenas 20 dias por mês, você vai, facilmente, ganhar mais de R$ 15.000 reais por mês!!! É isso que as travestis medianas ganham por mês, alugando o cú delas. É ou não é um negócio fenomenal? E tudo isso começou com uma ampola de perlutan a cada 15 dias, durante seis meses a um ano. Cada ampola dessas custa cerca de R$ 10,00 (dez reais). Em seis meses tomando perlutan, qualquer homem fica bem bonita e bem feminina. Ou seja, se você decidir virar uma travesti para ganhar dinheiro na prostituição, você vai gastar cerca de R$ 60,00 reais em hormônios femininos, que te farão você ganhar mais de R$ 15.000 reais por mês, se você não for muito bonita. Se você ficar bem gata e bem feminina, pode ganhar o dobro ou até o triplo disso todo mês e isso sem contar o grande mercado das atrizes pornôs travesti, que também ganham muito bem.  Em um ano então, fica uma verdadeira gracinha. Pois bem, se, depois disso, a travesti faz uma cirurgia para colocar silicone na bunda e nos peitos, então a transformação está completa e aí ela já pode até entrar no ramo da indústria pornô.
As pessoas não tem noção de como esse negócio da prostituição das travestis é rentável. Vamos supor, por exemplo, para fazermos uma estimativa muito por baixo, que você consiga virar uma travesti, mas não conseguiu ainda colocar silicone nos seios e na bunda e não é tão bonitinha. Nesse caso, o valor do programa seria de cerca de R$ 50,00 reais. E, como você também é muito cheia de noves hora, você só aceita fazer 3 programas por noite. Ou seja, você ganha R$ 150, reais por dia. Se você trabalhar 25 dias por mês, vai conseguir tirar, limpinho, cerca de R$ 3750,00 reais por mês. Cobrando apenas R$ 50 reais por programa e fazendo apenas 3 programas por noite, ou seja, trabalhando menos de duas horas por noite. Se você já for meio gostosinha e cobrar R$ 100 reais por programa (um valor justissimo e que ninguém se nega a pagar), você já vai conseguir ganhar mais de R$ 7500,00 reais por mês!!!. E sem precisar do cérebro; usando apenas o seu CÚ!! Quando você ficar mais bonita, mais gostosa, mais feminina ainda, com silicone na bunda e nos peitos, pode cobrar facilmente uns R$ 200,00 reais por programa e ganhar mais de R$ 15.000 reais por mês. Algumas travestis lindas e top de linha cobram de R$ 300,00 reais a R$ 500,00 reais por programa de uma hora. Deixem as mulheres disputarem os empregos de pedreiro de construção, para ganharem um salário minimo por um mês de trabalho. Não foram elas quem disseram que a vida dos homens era melhor? Então vamos trocar de lugar com elas. Deixemos que as mulheres fiquem carregando sacos de cimento de 50 quilos, por um salário minimo por mês, enquanto que os homens vão virar travestis e alugar o cú deles por um salário minimo por dia.








Nenhum comentário :

Postar um comentário

ShareThis

Veja também

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...