Novo endereço do nosso site

Novo endereço do nosso site
Feminismo Diabolico

sexta-feira, 20 de setembro de 2013

Mulher mata filho de 5 meses com facadas

Mulher mata filho de 5 meses com facadas Familiares disseram à polícia que dona de casa fazia tratamento médico graças a depressão pós-parto Michele Stella
michele.stella@bomdiajundiai.com.br

Um bebê de cinco meses foi assassinado pela própria mãe, na noite de anteontem, na Vila Real, em Várzea Paulista. Jocicleide Bastos da Silva, 30 anos, estaria sofrendo com depressão pós-parto segundo os familiares contaram à polícia e cometeu o ato nos poucos minutos em que ficou sozinha em casa com a criança.
De acordo com o delegado seccional de Várzea Paulista, Antônio Dota Júnior, o menino foi socorrida por familiares, que se assustaram com um forte choro seguido de um grito. A mulher morava em três cômodos, com o marido e uma filha de oito anos, numa área onde havia outras casas de familiares. O marido estaria trabalhando no momento. Uma tia foi quem subiu para ver o que havia acontecido, segundo o delegado, e encontrou a mãe com a criança no colo. “Ela contou que a mulher não queria soltar o bebê de jeito nenhum e gritava que ele tinha que morrer”, diz.
O bebê chegou a ser socorrido e encaminhado ao Hospital da Cidade de Várzea Paulista, mas chegou já sem vida ao local. Uma equipe da Guarda Municipal foi acionada ao hospital e se deslocou, momentos depois, à casa da família. A mãe do bebê permanecia no mesmo lugar e em estado de choque, segundo o delegado. Ela foi encaminhada ao hospital e em seguida para a delegacia. “Ela foi autuada por homicídio qualificado e presa em flagrante. Está internada no Hospital da Cidade sob escolta policial e, amanhã (hoje), será transferida para o hospital psiquiátrico de Franco da Rocha, onde já conseguimos uma vaga”, explica Dota.
Objeto comum / Uma faca de cozinha dessas pequenas, usadas durante as refeições, foi o objeto usado pela dona de casa para matar o filho. Ela deu duas facadas no tórax da criança. O material foi apreendido, assim como o macacão usado pela criança na hora do crime. Ambos serão encaminhados para perícia. “Os familiares dizem que ela havia tido alta médica ontem mesmo após ficar internada com uma crise de depressão”, ressalta o delegado.

MAIS

Vizinhos se dizem chocados com o crime
Uma vizinha da família que ajudou no momento de socorrer o bebê e o levá-lo até o hospital disse não saber a respeito de tratamento médico por causa de depressão. “Cinco meses é muito tempo para ainda ter depressão pós-parto eu acho. A atitude dela é inadmissível”, diz, pedindo para não ser identificada. “Isso é coisa que a gente está acostumado a ver na TV, mas presenciar um tipo de assassinato desse é chocante, não dá pra acreditar”, completa, mostrando indignação e revolta. Segundo a moradora da Vila Real, a comunidade do bairro está revoltada com a situação. “A família do marido de Jocicleide é bastante conhecida na Vila Real e são pessoas do bem, que nunca fariam uma coisa dessas”.

Fonte: http://www.redebomdia.com.br/noticia/detalhe/53738/Mulher+mata+filho+de+5+meses+com+facadas

Um comentário :

  1. Se um homem cometer um assassinato ele vai ter direito a uma vaga em um hospital psiquiátrico também?

    ResponderExcluir

ShareThis

Veja também

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...