Novo endereço do nosso site

Novo endereço do nosso site
Feminismo Diabolico

segunda-feira, 26 de agosto de 2013

Marcha das Vadias de Bauru e Maceió: Fracasso Total

Na Marcha das Vadias de Maceió de 2012 as biscates haviam conseguido reunir cerca de 500 putas para ficarem peladas no meio da rua, xingando impropérios contra o Patriarcado. Neste ano de 2013 as feministas prometiam que a coisa ia ser maior, que iria "entrar para a história" e enterrar definitivamente o machismo e o Patriarcado.

2° Marcha das Vadias promete movimentar a orla de Maceió

Mas, na verdade, a Marcha das Vadias de Maceió foi o maior fracasso. A 2ª Marcha das Vadias 

de Maceió não reuniu as 500 biscates do ano passado. Logo abaixo está a foto da famigerada Marcha das Vadias de Maceió de 2013 e todas as suas participantes: 7 pessoas, incluindo um que parece ser homem baba ovo feminista. De 500 para 7. E olha que a Marcha prometia "movimentar" a Orla de Maceió.

  

 Já a Marcha das Vadias de Bauru, também foi um fiasco, mas foi um fiasco menor do que a de Maceió, pois reuniu cerca de 40 vagabundas desocupadas.

Sob calor intenso, a Marcha das Vadias realizada em Bauru, no interior de São Paulo, teve pouca adesão na tarde deste sábado. Segundo os organizadores, cerca de 40 pessoas participaram. No evento criado pelos organizadores no Facebook, havia quase 600 confirmações de presença.


Os manifestantes se reuniram em frente à Câmara Municipal e seguiram por uma das principais da cidade Foto: Talita Zaparolli / Especial para Terra
Os manifestantes se reuniram em frente à Câmara Municipal e seguiram por uma das principais da cidade
Foto: Talita Zaparolli / Especial para Terra
Os manifestantes se reuniram em frente à Câmara Municipal e seguiram pela avenida Rodrigues Alves, uma das principais do centro da cidade, até a praça do Líbano. Durante meia hora de caminhada, os participantes carregaram cartazes com dizeres contra o machismo, a homofobia e contra o racismo. “A nossa luta é todo dia! Somos mulheres e não mercadorias”, entoavam. Integrantes do movimento Bauru Acordou também participaram.

“É um absurdo que os homens mexam com as mulheres na rua como se elas fossem um produto. Sou homossexual e também luto pelos nossos direitos, por isso vim apoiar as mulheres, porque acho injusto que os homens só dêem cantadas nas mulheres. E nós, viados, como é que ficamos? Os gays também querem receber assobios nas ruas, cantadas, que machismo é esse que só dá atenção para as mulheres?”, disse o estudante Matheus Pereira, 17 anos.


Durante meia hora de caminhada, os participantes carregaram cartazes com dizeres contra o machismo, a homofobia e contra o racismo Foto: Talita Zaparolli / Especial para Terra
Durante meia hora de caminhada, os participantes carregaram cartazes com dizeres contra o machismo, a homofobia e contra o racismo
Foto: Talita Zaparolli / Especial para Terra

Diferentemente das demais marchas realizadas pelo país, em Bauru as participantes não caminharam com os seios à mostra.

 

Nenhum comentário :

Postar um comentário

ShareThis

Veja também

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...